Médico de Bruno Cardoso, que sofreu um derrame pleural, revela estado de saúde do cantor

Após o cantor Bruno Cardoso, que é vocalista do grupo Sorriso Maroto, sofrer um derrame pleural muitas pessoas estão querendo saber do que se trata esse tipo de doença. O cantor já assustou seus fãs em 2018 quando tratou de um problema no coração e a assessoria do artista resolveu falar sobre o assunto.

Os assessores de Bruno Cardoso revelou que o vocalista estava fazendo shows quando começou a sentir fortes dores musculares. E ao investigar do que se trata descobriu o problema no pulmão.

Bruno Cardoso terá que passar por um procedimento simples após o derrame pleural

Segundo o próprio vocalista do grupo Sorriso Maroto, o próximo procedimento será simples: “De acordo com o meu médico pneumologista, Dr. Rafael Pottes, será um procedimento simples, mas necessário”, explica  Bruno.

“O tempo de recuperação é rápido e eu estou muito feliz em poder resolver essas dores que tanto me incomodam, ainda mais com as recentes notícias de evolução na melhora do coração. Em breve estou de volta aos palcos, melhor que antes”, revela o cantor.

Assessoria de Bruno Cardoso revela que derrame pleural não tem relação com doença no coração

Para quem não sabe, derrame pleural é a acumulação excessiva de fluido entre as membranas que envolvem o pulmão (cavidade pleural). A assessoria do cantor informou que esse problema não chega a ser uma doença e não tem relação com o coração.

Bruno teve miocardite em 2018 e teve que se afastar dos palcos por um bom período. Miocardite é a inflamação do músculo do coração, chamado de miocárdio.

Comente aqui!

SENAC abre mais de 1.500 vagas para cursos grátis; Inscreva-se!

Assistir São Paulo vs Santos ao vivo: 3 formas de ver o jogo online